pão de queijo

era branco no preto, de traço forte e contínuo. um pão de queijo um tanto quanto redondo com uma linha atravessando de ponta a ponta (como se uma esfera tivesse uma ponta). quase lembrava um grão de café. mas definitivamente era um pão de queijo que num piscar de olhos se abriu no meio e cada uma de suas partes foi para um lado oposto. ligadas somente por uma pequena ponta da ponta (e lá me aparece a diaba da ponta de novo) as metades começaram a voar sobre o fundo preto. tinham virado partes de uma asa delta.

acordei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: